Relicários (Pedra roladas de leito de rios e ferros soldados com dimensão média de 20cm), oriundos da série de trabalhos intituladasRelicários da Seca de 2013”.

As pedras marcam umas das mais emblemáticas fases do artista, de forte cunho político as séries iniciais representam uma época marcada por perseguições políticas aos intelectuais e artistas nos anos de ditadura militar no Brasil.

As pedras que se tornaram uma constante em sua obra no começo daqueles anos poderiam ser interpretadas, simbolicamente, como uma ideia de resistência por sua dureza e peso.

Entretanto nesta série as pedras retiradas do leito seco dos rios representam a aridez o seco e a desolação analogamente relacionada ao comportamento humano.

Mais obras nesta categoria Relicário »

Deixe um comentário.